MAS

Início Nacional Eleições Europeias 2014 Basta de impunidade para políticos e banqueiros! - MAS protesta em frente à Parvalorem (antigo BPN)

Basta de impunidade para políticos e banqueiros! - MAS protesta em frente à Parvalorem (antigo BPN)

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF
oliv_costa_video_x500

O BPN é um buraco sem fundo, o exemplo do tipo de negócios, envolvidos em fraude e corrupção, que ajudou a afundar o país. A lavagem de dinheiro e falsificação de contabilidade - com a conivência do Banco de Portugal - levou à falência do BPN onde logo o governo Sócrates injectou o dinheiro dos contribuintes.

Entre os devedores estão políticos como Arlindo de Carvalho, ministro da Saúde nos dois governo de Cavaco Silva, que, junto com José Neto, ligado ao PS e seu sócio na imobiliária Pousa Flores, deve ao BPN, e agora ao Estado, mais de 74 milhões de euros. Outros são mais famosos, como Duarte Lima ex-líder da bancada parlamentar do PSD e Conselheiro de Estado, que deve 40 milhões.

O que restou do BPN foi vendido ao Mira Amaral do BIC - outro negócio ruinoso a preço da china em que o Estado assegura futuras perdas que o BIC possa ter! Já as dívidas infindáveis ao BPN ficaram nas mãos do Estado, na chamada Parvalorem, empresa responsável pela gestão do buraco que meia dúzia de banqueiros e políticos deixaram ao país.

Em setembro de 2012, o valor total das dívidas alojadas na Parvalorem ultrapassavam os 4 mil milhões de euros. Desse total, 1,7 mil milhões de euros são considerados incobráveis, isto é, não serão recuperados e aumentarão o défice público.

Mas o buraco continua e Duarte Lima, Oliveira e Costa ou Dias Loureiro continuam impunes - à semelhança de outros banqueiros como Jardim Gonçalves ou Dias Loureiro. É um escândalo! O MAS quer acabar com a impunidade de políticos e banqueiros, por isso exigimos "prisão para quem roubou e endividou o país!". Exigimos a investigação de negócios ruinosos como os submarinos, as PPP's ou os contratos swap, assim como de fraudes bancárias como nos casos BPP, BCP e BPN. Propomos o fim das prescrições dos crimes económicos assim como a prisão e confisco dos bens dos seus culpados.

Para combater a corrupção e lutar por justiça, é preciso votar MAS no próximo dia 25. O MAS convoca toda a população, todos os que nos tem acompanhado e concordam com estas ideias a estar presente num protesto em frente à Parvalorem (antigo BPN, junto ao El Corte Inlês, em Lisboa), hoje segunda-feira dia 19, às 18h30. Não faltes, partilha e divulga!



Dia 25 de Maio, muda o teu voto ou não te abstenhas, VOTA MAS.

 
Text size
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size
barra_ha_alternativas_x300outdoor_fimprivilegios_x300

MANIFESTO ELEITORAL >


OS CANDIDATOS DO MAS >


TEMPOS DE ANTENA

FIM ÀS PARCERIAS PÚBLICO PRIVADAS

 

PRISÃO E CONFISCO PARA QUEM ROUBOU E ENDIVIDOU O PAÍS

FIM DOS PRIVILÉGIOS DOS POLÍTICOS

O EURO AFUNDA O PAÍS, REFERENDO JÁ!


OIÇA OS TEMPOS DE ANTENA DO MAS PARA RÁDIO >


ACOMPANHE MUITO MAIS NO FACEBOOK DO MAS >


mas_panfleto_mulher_x300

HÁ ALTERNATIVAS PARA AS MULHERES  >


panflas_europeias_segundo_x300

LEIA O SEGUNDO PANFLETO DO MAS >


panflas_europeias_primeiro_x300

LEIA O PRIMEIRO PANFLETO DO MAS  >


outdoor_prisao_x300

VEJA E OIÇA AS ENTREVISTAS A GIL GARCIA EM VÁRIOS ORGÃOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL:

TSF, dia 2 de Maio >

Rádio Renascença, dia 7 de Maio >

Antena 1, dia 8 de Maio >

SIC Notícias, dia 7 de Maio >

TVI24, dia 8 de Maio >

RTP 2, dia 10 de Maio (a partir do minuto 33:15) >

outdoor_euro_x300

Contacta-nos

Email: mas@mas.org.pt

MAS nas redes sociais:

facebook_iconyoutube_icon

Boletim electrónico do MAS

Subscreve o boletim electrónico do MAS e com conta, peso e medida receberás informação das novidades da nossa página.